jopeg

  • Moderador
  • Mensagens: 1410
Voando entre Seul e Kota Kanibalu na Eastar Jet


A marcação da viagem:

No planeamento da viagem à Ásia decidimos que depois da cidade de Seul os próximos dias seriam passados num destino de praia. Após consultar os voos diretos a partir da capital coreana que correspondiam aos nossos desejos a escolha recaiu em Kota Kinabalu na Malásia.
 
São quatro as companhias aéreas que ligam estes dois aeroportos, a saber: Jeju Air, Air Seoul, Jin Air e a Eastar Jet. Consultados os preços e os horários mais convenientes decidi-me por esta última.

A compra foi realizada no site da Eastar Jet e decorreu sem problemas. Logo nessa altura optei pela compra de um “pacote” que incluía refeição a bordo, importante devido à hora do voo, mala de porão e lugar na espaçosa fila de emergência, facto que considerei interessante face à duração do voo e sabendo que a companhia utiliza um apertado B737-800. Depois disto a empresa anunciou que iria deixar de comercializar este produto. O custo total foi de 213,000 KRW (163,59€), sendo 177,000 KRW (135,94€) pelo voo e 36,000 KRW (27,65€) do tal adicional. 


O voo:

Dia: 23/11/2017
Companhia: Eastar Jet
Voo: ZE501
Rota: Seul-Kota Kinabalu
Horário: ICN 19H00 – BKI 23H30
Lugar: 15F (fila de emergência)
Avião: Boeing 737-86J HL8057 (MSN 37767. Primeiro voo em 31/05/2012)
Distância: 2267 mi (3649 Km)
Ocupação: perto de 100%
Preço: 163,59€ (preço por pessoa com refeição, bagagem e reserva de lugar)

Cheguei ao aeroporto de Seul 2 horas antes do voo. Tendo mala de porão para despachar fui direto para a fila de check-in, confesso que já não estou habituado a fazer isto em voos europeus. Algo que contava fazer em 20 minutos demorou bem mais, além dos muitos passageiros à minha frente quando chegou a minha vez houve um problema com o meu passaporte. Deu claramente a ideia de serem muito poucos os europeus a utilizar este voo.

Com praticamente uma hora perdida neste processo, pouco tempo restava para as seguintes etapas: controlo de bilhetes, controlo de segurança (raio-x), controlo de passaporte, comboio entre terminais e chegar à distante porta 102. O que valeu é que o aeroporto de Seul permitiu fazer isto tudo em apenas 30 minutos.

O demorado processo de check-in


Aeroporto de Seul


Cerca de 180 pessoas esperavam o embarque deste voo, deviam ser todos coreanos, eu e a minha esposa éramos a exceção. Um voo que liga a Coreia à Malásia não vi malaios a bordo. O embarque foi realizado através de ponte telescópica e foi bastante rápido e ordeiro.

Sala de embarque


O embarque


Entrado no avião a configuração em 189 lugares em económica faz de imediato pensar na Ryanair. Felizmente o meu lugar na primeira fila de emergência era bem mais espaçoso que as filas comuns. Equipado com o interior blue sky o avião apresentava um aspeto moderno, limpo e bem conservado. O avião deste voo foi o HL8057 que realizou o primeiro voo em maio de 2012 e está nesta companhia desde junho de 2016, tendo anteriormente voado apenas para a Air Berlim.

A cabine



Os assentos deste B738 da EastarJet


Espaço para pernas bem superior na fila de emergência


O assento


Sentando na fila de emergência tive um discurso de segurança específico. A tripulação era constituída por 4 PNC. Simpáticos mas sem grande fluência na utilização da língua inglesa. Trabalharam muito durante o voo uma vez que os passageiros coreanos consumiram bastante. Apesar de ser uma companhia de baixo custo com serviço de bordo pago (BOB) a água era gratuitamente distribuída aos passageiros.

O menu de vendas a bordo




Capa da revista de bordo da companhia coreana


As rotas da companhia coreana


A breve história da EastarJet


O humor presente na revista de bordo, Cereal killer


Humor a bordo, Vicent Van Gogh


A saída da nossa posição foi às 19h20 (+ 20m) e começamos a voar cerca de 15m depois. O voo foi tranquilo e às 19h50 serviram a refeição reservada no ato da compra. A mesma estava aceitável para o padrão “comida de avião” e estando na Coreia era naturalmente picante.

A vista da janela neste voo noturno


A saída do terminal no aeroporto de Incheon


A refeição servida



O cartão de segurança





Muitos coreanos optam por fazer férias em Kota Kinabalu dai tão grande número de voos entre estes dois aeroportos. Em férias e num voo de 5 horas os passageiros consumiram imenso, obrigando os tripulantes a muitas passagens pela cabine. Tirando este facto o voo foi tranquilo. Chegada a Kota Kanibalu às 23H38 (+8m). O desembarque por ponte telescópica e foi rápido sair do aeroporto malaio.

Boeing 737-86J HL8057 (Foto de Jungyeub Kim - Airliners)


Resumo: Um bom voo da Eastar Jet mas, num Boeing 737-8 com 189 lugares e 5 horas de voo, a compra do lugar na fila de emergência foi fundamental para o conforto a bordo. A companhia de baixo custo coreana mostrou ser eficiente.


Cumprimentos,

Jopeg

Resposta rápida

Com a resposta rápida pode escrever uma mensagem quando está a ver um tópico sem carregar uma nova página. Pode, ainda, usar o código BBC e os risonhos como usaria numa mensagem normal.

Aviso: este tópico não tem nenhuma mensagem nova há, pelo menos, 90 dias.
A não ser que tenha a certeza que quer responder, por favor, considere a hipótese de criar um novo tópico.

Nota: esta mensagem não irá aparecer até ter sido aprovada por um moderador.
Nome: Email:
Verificação:

 

Tópicos Relacionados

  Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
1 Respostas
1152 Visualizações
Última mensagem 10 de Fevereiro 2014, 21:23:51
por Byte Boador
15 Respostas
1994 Visualizações
Última mensagem 05 de Fevereiro 2017, 16:26:13
por Spak
0 Respostas
690 Visualizações
Última mensagem 26 de Maio 2014, 18:01:13
por Tiago Maia
0 Respostas
687 Visualizações
Última mensagem 28 de Junho 2014, 13:17:49
por aerointeressado
13 Respostas
1326 Visualizações
Última mensagem 13 de Maio 2015, 20:21:24
por brunodias

Total 39+1=40 ms, db 0 ms, php 40 ms