Leia atentamente as regras do fórum. Insultos e ataques pessoais a outros membros serão punidos.

Resposta

Aviso - enquanto esteve a ler, foi enviada uma nova resposta a este tópico. Pode querer voltar a ler o tópico.

Nota: esta mensagem não irá aparecer até ter sido aprovada por um moderador.

Nome:
Email:
Verificação:

Atalhos: pressione alt+s para enviar ou alt+p para pré-visualizar


Resumo do Tópico

Enviado por: brunodias
« em: 18 de Novembro 2019, 20:03:18 »

Pelas conversas anteriores não há supresa, o ceo disse que só iriam receber aviões com motores comprovados, achou que o RR do 330 não esta
Enviado por: AECM
« em: 18 de Novembro 2019, 14:10:21 »

No início do ano a Emirates tinha anunciado uma possível encomenda de 30 A359 e 40 A339. Hoje no Dubai Air Show confirmou a encomenda de 50 A359 sem A339.

https://www.airbus.com/newsroom/press-releases/en/2019/11/emirates-airline-orders-50-a350xwb-at-dubai-airshow-2019.html

https://www.flightglobal.com/news/articles/dubai-emirates-lifts-a350-orders-but-cuts-out-a330n-462348/

Acho que os 50 A359 vão ter versões de MTOW mistas estilo Singapore.
Enviado por: Cebola
« em: 22 de Outubro 2019, 22:38:30 »

Não há rota de ultra longo curso que se aguente em 1. durante muito tempo, logo que surge uma rota que reclama record para o Guiness, já há outra rota anunciada para retirar lhe liderança.

A evolução dos nível de conforto e insonorização nos modelos mais novos é impressionante, mas devem ser estudados os efeitos sobre o corpo humano destas maratonas aéreas.

De qualquer forma se o ultra longo curso for uma tendência do mercado,  o modelo dos mega hubs intercontinentais tipo DXB pode vir a ser afectado.

Estive a ler que os primeiros passageiros e tripulação deste voo, participaram de um programa de estudo sobre os efeitos no corpo humano. Havia começado 2 semanas antes e termina 1 semana apos o voo.
É inegável que haverá passageiros que este tipo de voo seja desaconselhado.
Achei interessante que mal levantaram voo de NY, pediram aos passageiros para se manter acordados por 6 horas de forma a combater o jet lag. E o voo saiu pelas 21h, creio....
Também interessante o fato dos tripulantes terem promovido uma dança a bordo, pondo os passageiros a dançar a Macarena... 🙂
Com tudo isto, não sei se estes voos terão assim tanto sucesso ao ponto de "deitar" a baixo os mega hubs...
Enviado por: brunodias
« em: 22 de Outubro 2019, 20:53:27 »

Parece que o ultra longo curso é a tendencia, até a nivel de bizjet, já andamos na casa dos 7500 ou 7700nm, alias a gulfstream lançou agora o g700

Isto apesar que penso que a media de horas de voo de g650 e g550 anda na casa das 3 horas
Enviado por: nunopinheiro
« em: 22 de Outubro 2019, 20:40:31 »

Bem em teoria o pessoal na estação orbital internacional já bateram esses records todos....;)

As vistas são bestiais
Enviado por: Icterio
« em: 22 de Outubro 2019, 19:28:41 »

Em tom de brincadeira, haverá inevitavelmente um limite para a rota mais longa...
A não ser que se ande ás voltas para apreciar a vista... ;D ;D ;D ;D
Enviado por: ma_lppt
« em: 22 de Outubro 2019, 19:26:34 »

Não há rota de ultra longo curso que se aguente em 1. durante muito tempo, logo que surge uma rota que reclama record para o Guiness, já há outra rota anunciada para retirar lhe liderança.

A evolução dos nível de conforto e insonorização nos modelos mais novos é impressionante, mas devem ser estudados os efeitos sobre o corpo humano destas maratonas aéreas.

De qualquer forma se o ultra longo curso for uma tendência do mercado,  o modelo dos mega hubs intercontinentais tipo DXB pode vir a ser afectado.
Enviado por: Airliner
« em: 22 de Outubro 2019, 14:30:12 »

O futuro pelo Ponto a Ponto, mesmo nestas rotas  de ultra duração.
Enviado por: Spark
« em: 21 de Outubro 2019, 21:56:40 »

Assim fica tudo em dia!  ;D
Enviado por: ngouveia
« em: 21 de Outubro 2019, 21:06:21 »

Por falar em voos ultra longos.

JFK/SYD "quase" a aterrar.

Projecto Sunrise da Qantas.

QF7879 de New York para Sydney https://fr24.com/QFA7879/2287630a

19h dentro de um avião....

As vezes fico a pensar que o se pode fazer 19h dentro de avião....
Dá para ver uns 8 ou 9 filmes... Ou uma temporada de alguma série... LOL

Dá para ver duas temporadas se forem temporadas de 8 episódios de 1 hora ou de 10 episódios de 45 minutos!
Enviado por: oliveco
« em: 21 de Outubro 2019, 18:30:45 »

Por falar em voos ultra longos.

JFK/SYD "quase" a aterrar.

Projecto Sunrise da Qantas.

QF7879 de New York para Sydney https://fr24.com/QFA7879/2287630a

19h dentro de um avião....

As vezes fico a pensar que o se pode fazer 19h dentro de avião....
Dá para ver uns 8 ou 9 filmes... Ou uma temporada de alguma série... LOL
Enviado por: Cebola
« em: 21 de Outubro 2019, 06:22:41 »

Realmente é um esticão que certamente eleva os patamares da necessidade de conforto e capacidade física dos passageiros.
Mas também vem demonstrar que existe procura pelas ligacoes diretas...
A Air New Zealand tambem ja veio dizer que vai avancar com ligacoes para Nova York... e eles avançarem com a ideia de um voo para Londres direto, então passaria a ser o mais longo, julgo eu...mais um desafio para as construtoras...
Enviado por: ptevos
« em: 21 de Outubro 2019, 01:33:39 »

Por falar em voos ultra longos.

JFK/SYD "quase" a aterrar.

Projecto Sunrise da Qantas.

QF7879 de New York para Sydney https://fr24.com/QFA7879/2287630a

19h dentro de um avião....

As vezes fico a pensar que o se pode fazer 19h dentro de avião....
Enviado por: padilhasantos
« em: 19 de Outubro 2019, 20:04:31 »

Por falar em voos ultra longos.

JFK/SYD "quase" a aterrar.

Projecto Sunrise da Qantas.

QF7879 de New York para Sydney https://fr24.com/QFA7879/2287630a
Total 94+1=95 ms, db 0 ms, php 95 ms