Carnim

  • Mensagens: 899
Sera que é hoje que vamos ter o contracto assinado? Isto porque se ja fizeram as alterações legais necessárias, devia ser o passo que se estava aguardar não?

Rex

  • Mensagens: 1327
Honestamente PauloBR?
Não vejo grandes mudanças a acontecer. Esta "ideia" de que uma empresa só por ser pública ou só por ser privada é uma empresa mais eficiente e mais competitiva é completamente descabida de conhecimentos reais de gestão.

E digo isto porque regra geral as gestões privadas o que fazem é cortar custos (nomeadamente com funcionários) mas não costumam ser melhores no que interessa, criar mais receita.

O problema da tap e de Portugal são muito parecidos, as estratégias usadas serão as mesmas e os resultados serão os mesmos : nulos.

Uma pessoa lê cada coisa...
sim, é verdade que quando empresas privadas passam dificuldades fecham, despedem, e/ou baixam salários, reestruturam, etc. Sim, é verdade, há maus gestores e bons gestores, há boas e más decisões, em todo o lado.
Mas falando da TAP o que achas que teria acontecido à TAP se há 20 anos não lhe injectassem cerca de 1000 milhões de € dos contribuintes ? E de onde vem esse dinheiro dos contribuintes ?
E 20 anos depois está novamente falida, o que achas que acontecerá na TAP se esta privatização correr mal?

E sim, o problema da Tap e de Portugal são muito parecidos, nas últimas décadas, deixar tudo como está, os resultados serão os mesmos.

Rex

  • Mensagens: 1327
Citação
Presidente da TAP entra nos órgãos sociais da Atlantic Gateway

O consórcio que vai comprar a companhia aérea passa a sociedade por quotas e nomeou nove gerentes, entre os quais Fernando Pinto. As alterações visam dar cumprimento às exigências feitas pelo regulador da aviação civil.
O presidente executivo da TAP, Fernando Pinto, é um dos nove gerentes da Atlantic Gateway, o consórcio de Humberto Pedrosa e David Neeleman que a 24 de Junho passado assinou o acordo com o Estado para a compra de 61% da companhia aérea.

A notícia foi avançada esta sexta-feira pelo jornal Sol, que refere ainda que o grupo que vai comprar a TAP foi transformado em sociedade por quotas.

As alterações foram registadas esta quinta-feira, 5 de Novembro, e estão publicadas no Portal da Justiça.

A Atlantic Gateway foi constituída a 19 de Junho como sociedade anónima e a 23 do mesmo mês registou alterações ao contrato de sociedade e designou os membros de órgãos sociais.

Do conselho de administração, com cinco membros, faziam parte Humberto Pedrosa, o filho David Pedrosa, Abílio Martins, ex-administrador da PT na época de Zeinal Bava, David Neeleman e Maximilian Urbahn.

De acordo com as alterações registadas esta quinta-feira, a Atlantic Gateway passou a ter a natureza jurídica de sociedade por quotas, tendo como objecto "a gestão de participações sociais noutras sociedades, como forma indirecta de exercício de actividades económicas".

Num segundo ponto é acrescentado que "a sociedade poderá, nos termos e dentro dos limites previstos na legislação aplicável, conceder financiamento às sociedades participadas".

O capital da empresa é de um milhão de euros, sendo a quota da holding do empresário português Humberto Pedrosa de 510 mil euros, enquanto a do norte-americano David Neeleman é de 490 mil euros.

Desta forma, a sociedade deixa de fazer a distinção entre acções ordinárias (de Humberto Pedrosa) e acções de categoria A, que conferiam direitos a Neeleman.

A Atlantic Gateway passou ainda a ter um total de nove gerentes, eleitos para um mandato de três anos.

Além de Humberto Pedrosa, David Pedrosa, David Neeleman e Maximilian Urbahn, entram nos órgãos sociais do grupo o CEO da TAP Fernando Pinto, Philippe Delmas, antigo vice-presidente da Airbus, Sydney John Isaacs, responsável da ACE Aviation Holdings, Robert Milton, "chairman" e CEO da ACE Aviation, e Henri Courpron, chairman da Plane View Partners e assessor da Bombardier. Já Abílio Martins deixa os órgãos sociais da Atlantic Gateway.

A alteração da estrutura consórcio visa adequar a sociedade às exigências da Autoridade Nacional da Aviação Civil, que impôs, no parecer prévio à compra da TAP, um conjunto de condições com o objectivo de demonstrar que a gestão do agrupamento pertence ao accionista português, de forma a que sejam cumpridas as normas europeias que impedem não comunitários de controlar companhias aéreas do espaço europeu.
http://www.jornaldenegocios.pt/empresas/detalhe/presidente_da_tap_entra_nos_orgaos_sociais_da_atlantic_gateway.html

Alex

  • Banido do fórum
  • Mensagens: 1256
Assinatura de contrato de venda da TAP foi cancelado hoje.

A informação avançada na TVI é que tinha sido adiado.

Tens informação que foi cancelado de vez?

Foi cancelado, não tendo sido apontada nova data.
Com a alegada queda do governo na próxima semana, é bom que acelerem a coisa, a TAP precisa para "ontem" da injecção de 160 milhões, para equilibrar a tesouraria.

tareias77

  • Mensagens: 4875
Na minha opinião esta indefinição política vai provocar ainda mais estragos na já delicada situação financeira da TAP. Não me parece que com o PS no governo e com os restantes partidos de esquerda a apoiar, a privatização avance, nos actuais moldes.
Concordo com o Alex, a TAP precisa de injecção de capital urgentemente, para sobreviver.
« Última modificação: 07 de Novembro 2015, 09:30:07 por tareias77 »


Rex

  • Mensagens: 1327
Em termos de processo parece estar tudo orientado, quer o ajustamento/esclarecimento da estrutura accionista exigida pela regulação, quer o problema da dívida. Para mim o maior problema era mesmo a questão da dívida.

Como tinha referido em Junho:

Citação
Reestruturação da dívida
A dívida da TAP ao transitar parte dela para outro accionista, ainda por cima, do Estado (onde estava garantida por este) para o sector privado, obriga SEMPRE que o Estado participe nesse processo. Não há outra forma de fazer isso, é uma reestruturação que envolve Estado, TAP, comprador e os credores. Os credores podem denunciar os contratos por temerem perder a garantia estatal, e o comprador tem que estar protegido de que não lhe exigem o pagamento da dívida toda de uma vez.

Este era o problema mais complicado e eu estava bastante curioso pela forma como o iriam resolver. A solução que arranjaram parece basear-se num outro tipo de garantia, indirecta. Os credores e o Estado vão ter um controlador directo na empresa com acompanhamento permanente das situação financeira. E se alguma coisa correr especialmente mal ou for suspeita, negócio com contornos duvidosos, etc,etc, a privatização pode ser revertida. Refira-se que tal como disse em Junho, era impossível não haver determinado mecanismo que protegesse todos, incluindo o comprador.

Agora, este adiamento por uns dias é um pouco estranho, deixa-me intrigado.

a) pode ser de facto uma questão meramente processual, rever tudo mais uma vez, acertar últimos pormenores legais.

b) pode ser outra coisa, o governo a poder cair para a semana, com bastante probabilidade, pode passar a batata para o seguinte.
Por um lado seria "bem feito", ora, se vocês são contra tudo e acham que a TAP é uma esplendorosa empresa, resolvam lá agora com a vossa magia o grave problema que ela tem.
Isto seria terrível para a TAP julgo eu, penso que a TAP deve ter grandes problemas de liquidez, provavelmente nos últimos meses baixou tarifas para arranjar liquidez, e isso não é sustentável muito tempo.


se for a opção a), e tudo correr conforme se espera, em relação ao futuro mantenho a minha opinião de há uns meses:


Citação
Se as coisas correrem bem na TAP o mais provável é e estas percentagens de capital virem a ser bastante dispersas no futuro, com entrada de novos accionistas, IPO's, etc. A actual estrutura é transitória certamente, uma primeira fase reestruturante da empresa, equilíbrio do balanço, voltar a ter crédito, etc.

Esta ideia que algumas pessoas tem que tudo vai mudar de repente não faz sentido, que vão chegar montes de aviões e paletes de dinheiro. Isto vai ser um processo  lento. Ninguém vai meter dinheiro nesta fase para além do mínimo estritamente necessário  para ir equilibrando as contas da companhia. Isso será a primeira fase, e que ainda deve levar uns 2 anos.

Passada essa fase, se tudo correr bem, se tiver contas equilibradas e bom plano de negócios, a empresa poderá tornar-se atractiva a investidores, e começará uma nova etapa, provavelmente novos accionistas, e daí é que virá dinheiro para uma renovação e expansão da companhia.

jferreira20

  • Mensagens: 557
Está a passar em rodapé na Sic Notícias:

O programa de governo do PS prevê a anulação da privatização.

tareias77

  • Mensagens: 4875
Está a passar em rodapé na Sic Notícias:

O programa de governo do PS prevê a anulação da privatização.
Acho que com isso é que vai de vez. Cambada de irresponsáveis.

Scarto

  • Mensagens: 215
O "futuro" governo (vamos lá ver se lá chegam) decidiu matar de vez a Tap hoje? É que ao fazerem isso,só vai acentuar ainda mais,a situação grave porque passa a companhia...
« Última modificação: 07 de Novembro 2015, 19:52:19 por Scarto »


Jorge78

  • Mensagens: 2920
O PS sempre disse que ia reverter a privatização, onde está a novidade?
O atual governo é que quis fazer tudo à pressa e acabou por atrasar tudo.

Scarto

  • Mensagens: 215
O PS sempre disse que ia reverter a privatização, onde está a novidade?
O atual governo é que quis fazer tudo à pressa e acabou por atrasar tudo.

Podiam e deviam,continuar pelo menos as negociações,e continuar com a privatização. "Nacionalizar" novamente a Tap,só vai resultar em mais algum tempo de agonia,infelizmente.

Spark

  • Mensagens: 6104
    • Atualmente, os veículos da internet são apenas 2: o hypetrain e o hatewagon. All aboard!!!
O PS sempre disse que ia reverter a privatização, onde está a novidade?
O atual governo é que quis fazer tudo à pressa e acabou por atrasar tudo.
Sempre me pareceu isso, tanta pressa em fim de legislatura corria o risco de correr mal.
Seja como for, hoje o futuro da TAP parece-me negro.

Rex

  • Mensagens: 1327
Continuo sem perceber isso da pressa, a privatização da TAP tem feito parte do programa de todos os governos desde há 20 anos, foi mesmo uma imposição da UE para autorizar o gigantesco saneamento da empresa nos anos 90.
Mas continuem a bater na mesma tecla...

brunodias

  • Mensagens: 5464
Mas alguem esperava que alguem que no fundo esta a fazer 1 golpe de estado, fize-se algo de bem??

Ele esta a prometer tanta coisa, só falta saber onde ele escondeu a fabrica de dinheiro

Digo isto e com 1 há vontade grande porque nem votei nem tenho cor politica

Jorge78

  • Mensagens: 2920
@brunodias desculpa a frontalidade mas se não votaste nem devias falar em golpes de estado ou seja o que for sobre estas eleições... quem não vota é porque não se importa.

Independentemente da minha orientação política e da minha opinião sobre o assunto, as Legislativas são para eleger deputados da AR, não o governo (diretamente).

O A.Costa se chegar a primeiro ministro vai ter que explicar muito bem uma eventual reversão perante o estado que a TAP se encontra a coisa vai ficar preta.

Resposta rápida

Com a resposta rápida pode escrever uma mensagem quando está a ver um tópico sem carregar uma nova página. Pode, ainda, usar o código BBC e os risonhos como usaria numa mensagem normal.

Aviso: este tópico não tem nenhuma mensagem nova há, pelo menos, 90 dias.
A não ser que tenha a certeza que quer responder, por favor, considere a hipótese de criar um novo tópico.

Nota: esta mensagem não irá aparecer até ter sido aprovada por um moderador.
Nome: Email:
Verificação:

 

Tópicos Relacionados

  Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
1167 Respostas
191254 Visualizações
Última mensagem 11 de Junho 2015, 13:32:29
por Carnim
161 Respostas
15227 Visualizações
Última mensagem 18 de Maio 2015, 15:37:32
por Spark
81 Respostas
7163 Visualizações
Última mensagem 29 de Junho 2017, 22:26:04
por Snip
0 Respostas
1451 Visualizações
Última mensagem 21 de Outubro 2017, 17:28:49
por Nakano
0 Respostas
792 Visualizações
Última mensagem 29 de Abril 2019, 23:38:15
por Pedro Júnior

Total 149+0=149 ms, db 0 ms, php 149 ms