brunodias

  • Mensagens: 4265
Para meter base conjunta no montijo que tem aviões com alertas de meia hora para cima, esta a cair o carmo e a trindade, a pedirem milhões e a dizerem que tem que sair porque não conseguem operar com os civis, e querem abrir na base da defesa nacional, onde o alerta é praticamente imediato

Atenção que acho que devia ser tudo misto, principalmente para general aviation, bizjets e ultraleves( na que me incluo)

blue_monday81

  • Mensagens: 90
A pista aguenta NB ou teriam de torrar uns milhoes?

brunodias

  • Mensagens: 4265
Em maio tivemos 1 a321 da alitalia com o papa
Já aguentou nimrod, e acho que até o galaxy, partiram foi o placa, mas a pista tudo ok
Vou tentar confirmar o galaxy

Snip

  • Mensagens: 304
Vamos lá desenterrar o tópico...

Ontem estive no dia da Base Aberta a ver os maravilhosos F-16 em voo e a visitar a base e fiquei com a sensação de que poderia ser melhor aproveitado. Do que fui perguntando aqui e acolá a alguns militares, nomeadamente o nível de prontidão e tudo o mais, os F-16 em 10 minutos estão no ar.

A base é efetivamente GIGANTESCA e um pequeno pavilhão industrial não mais pequeno que o T2 em Lisboa daria para acomodar todo o tráfego que o aeroporto viesse a ter e manter a base em funcionamento para toda e qualquer eventualidade, e sim, seria sempre um privado a explorar e não o Estado(até já li por aqui que o contrato de concessão da ANA só permite um aeroporto na zona de Bragança)
« Última modificação: 17 de Setembro 2018, 20:29:48 por Snip »


Tomás Ribeiro

  • Mensagens: 1358
Mas a questão é se a nós podemos ter uma solução melhor e mais perto aqui no montijo porque raio é que vamos abrir monte real? Além do mais a força aérea não ia achar piada nenhuma veja se o que eles andam a dizer sobre o facto de terem de sair do montijo.
Portugal continental está bem servido com os 3 principais que tem. Muitas destas intenções de aeroportos na região centro baseiam se em perspetivas muito otimistas. Por exemplo:
Ah e tal a indústria. Qual indústria? De certo que tem havido muito e bom investimento na zona mas umas quantas fábricas que nem sequer escoam a carga de avião é que requerem um aeroporto?
Ah e tal Fátima. Para ter meia dúzia de charters por ano? Não vejo necessidade nenhuma de serviços regulares para cidades europeias só por causa de um destino religioso de dimensão média.
Ah e tal é para servir a zona centro. É mesmo necessário? O turismo não anda em números astronómicos e não sei se há população suficiente que justifique um aeroporto que ainda assim vai ficar muito longe de muito sítio na zona centro. É mesmo o turismo que tem o maior potencial no meio disto tudo e lá está não sei se os números o justificam com Lisboa a 1h/1:30h. Como já se disse aqui e muito bem, dinheiro dos nossos impostos não enterrem lá nem façam negócios manhosos com entre estado e privados. Ao nível aeronáutico há fogos mais urgentes para apagar em Portugal (Lisboa)
« Última modificação: 17 de Setembro 2018, 18:31:27 por Tomás Ribeiro »


Snip

  • Mensagens: 304
Montijo eles têm de sair quase na totalidade(em Monte Real não têm de retirar meios), ali bastava arranjar um bocadinho de espaço(coisa que não falta) para que a atividade pudesse co-existir em 2 ou 3 pontos do dia, uma vez que seria mais ou menos essa a atividade. Repito, se o Estado puder facilitar nisto e um privado explorar não vejo porque não. Risco para o Estado é ZERO se for um privado a investir para explorar a parte civil

Tomás Ribeiro

  • Mensagens: 1358
Essa parte do estado facilitar tem muito que se lhe diga. O estado facilitou muita coisa a muita empresa de amigos e deu no que deu. Concordo consigo que se for um privado be my guest. A vontadinha. Mas se for para servir a zona centro. Para complementar Lisboa não é particularmente atractivo.

brunodias

  • Mensagens: 4265
Montijo eles têm de sair quase na totalidade(em Monte Real não têm de retirar meios), ali bastava arranjar um bocadinho de espaço(coisa que não falta) para que a atividade pudesse co-existir em 2 ou 3 pontos do dia, uma vez que seria mais ou menos essa a atividade. Repito, se o Estado puder facilitar nisto e um privado explorar não vejo porque não. Risco para o Estado é ZERO se for um privado a investir para explorar a parte civil

Tem que sair do montijo porque em monte real não?

Tomás Ribeiro

  • Mensagens: 1358
Pois e depois há esse "pequeno" pormenor da força aérea que dada a importância da base para a nossa defesa não ia gostar nada da ideia. Podia funcionar sim mas só com esta questão na altura em que esta solução foi ponderada acabou se a conversa.

Snip

  • Mensagens: 304
Essa parte do estado facilitar tem muito que se lhe diga. O estado facilitou muita coisa a muita empresa de amigos e deu no que deu. Concordo consigo que se for um privado be my guest. A vontadinha. Mas se for para servir a zona centro. Para complementar Lisboa não é particularmente atractivo.

Seria sempre para servir a zona centro, há imensa indústria ali perto que poderia aproveitar o aeroporto para escoar mercadorias por via aerea(quem sabe?), e por 2 ou 3 voos diários com investimento por parte dos privados o estado tinha ZERO risco associado. O "facilitar" não é entregar em desbarato, mas sim ajudar dentro do possivel e da legalidade. Seja como for, não vejo porque não (ainda mais sendo a entidade gestora dos aeroportos portugueses neste momento 100% privada)

Montijo eles têm de sair quase na totalidade(em Monte Real não têm de retirar meios), ali bastava arranjar um bocadinho de espaço(coisa que não falta) para que a atividade pudesse co-existir em 2 ou 3 pontos do dia, uma vez que seria mais ou menos essa a atividade. Repito, se o Estado puder facilitar nisto e um privado explorar não vejo porque não. Risco para o Estado é ZERO se for um privado a investir para explorar a parte civil

Tem que sair do montijo porque em monte real não?

No Montijo a ideia é fazer uma alternativa a Lisboa, e essa alternativa receberia muito mais voos por hora do que o que (hipoteticamente) se adivinha que Monte Real receberia em 2 ou 3 dias... Daí uma maior "facilidade" em Monte Real e não no Montijo. Estou a falar nisto com base no que vi na BA5, no espaço disponível e no que foi dito pelos militares na base conforme fui fazendo algumas perguntas, nomeadamente o número total de aviões F-16, os 2 que estão de prontidão para levantar a qualquer momento precisam de 10 minutos. Se coincidirem com a chegada de um voo comercial, o comercial facilmente espera 15 minutos ou 20 se for preciso, ou aterra no espaço dos 10 minutos que os F-16 necessitam para sair do "ninho" e levantarem.

Conforme disse, digo isto pelo que vi ontem em termos de espaço e pela informação que fui "juntando" através dos militares. Nunca na vida Monte Real seria uma alternativa a Lisboa, isso sim comprometeria SERIAMENTE a nossa segurança aerea militar e a nossa capacidade de reação

Tomás Ribeiro

  • Mensagens: 1358
Pois mas eu não vejo nenhum privado minimamente interessado. E mais importante, não vejo a Ana interessada e é bom que ela esteja porque ela é que ficaria a mandar no dito aeroporto. E a Ana já vai largar muito dinheiro no montijo e na Portela nos próximos anos por isso não vejo isso de monte real a ir para a frente.
« Última modificação: 17 de Setembro 2018, 19:38:48 por Tomás Ribeiro »


brunodias

  • Mensagens: 4265
Montijo eles têm de sair quase na totalidade(em Monte Real não têm de retirar meios), ali bastava arranjar um bocadinho de espaço(coisa que não falta) para que a atividade pudesse co-existir em 2 ou 3 pontos do dia, uma vez que seria mais ou menos essa a atividade. Repito, se o Estado puder facilitar nisto e um privado explorar não vejo porque não. Risco para o Estado é ZERO se for um privado a investir para explorar a parte civil

Tem que sair do montijo porque em monte real não?

No Montijo a ideia é fazer uma alternativa a Lisboa, e essa alternativa receberia muito mais voos por hora do que o que (hipoteticamente) se adivinha que Monte Real receberia em 2 ou 3 dias... Daí uma maior "facilidade" em Monte Real e não no Montijo. Estou a falar nisto com base no que vi na BA5, no espaço disponível e no que foi dito pelos militares na base conforme fui fazendo algumas perguntas, nomeadamente o número total de aviões F-16, os 2 que estão de prontidão para levantar a qualquer momento precisam de 10 minutos. Se coincidirem com a chegada de um voo comercial, o comercial facilmente espera 15 minutos ou 20 se for preciso, ou aterra no espaço dos 10 minutos que os F-16 necessitam para sair do "ninho" e levantarem.

Conforme disse, digo isto pelo que vi ontem em termos de espaço e pela informação que fui "juntando" através dos militares. Nunca na vida Monte Real seria uma alternativa a Lisboa, isso sim comprometeria SERIAMENTE a nossa segurança aerea militar e a nossa capacidade de reação

Vou assumir que esteve na parte entre a pista e a entrada de armas, e ai anda quase vazio porque os f16 parece que passaram para a zona contraria, agora a verdade é que os f16 descolam praticamente todos os dias para voos de treino, alguns perto outros longe, no montijo é igual existem voos de treino praticamente todos os dias, também não deixa de ser verdade que aviões de outras esquadras e ate civis vão treinar ao montijo devido há aproximação por instrumentos na 26, logo também não seria descabido os Cs irem treinar para sintra por exemplo, ou até beja como acontece por vezes

Existe tanto aeroporto por este mundo fora em que o civil consegue operar com o militar, mas a nivel de aviação o cantinho aqui há beira plantado continua muito atras e nem precisamos puxar para o suposto montijo misto, há exemplos de hoje

Tomás Ribeiro

  • Mensagens: 1358
Bruno não duvido que a operação seja possível, simplesmente questiono seriamente a existência de um privado disposto a largar dinheiro nisto sem ter 35 ajudas e subsídios do estado, questiono a vontade da Ana de ir para a frente e questiono a necessidade do tal aeroporto para o centro.

brunodias

  • Mensagens: 4265
O que agora está na moda é pedir aeroportos, ainda vamos ouvir pedir 1 nas berlengas

sdo

  • Moderador
  • Mensagens: 664
Sendo que aqui o privado, e de acordo com o que se falou da concessão da ANA, só poderia ser a Vinci.

Resposta rápida

Com a resposta rápida pode escrever uma mensagem quando está a ver um tópico sem carregar uma nova página. Pode, ainda, usar o código BBC e os risonhos como usaria numa mensagem normal.

Nota: esta mensagem não irá aparecer até ter sido aprovada por um moderador.
Nome: Email:
Verificação:

 

Tópicos Relacionados

  Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
6 Respostas
2913 Visualizações
Última mensagem 28 de Setembro 2014, 23:16:15
por Rafael Vieira
4 Respostas
994 Visualizações
Última mensagem 31 de Março 2015, 22:59:57
por brunodias
0 Respostas
546 Visualizações
Última mensagem 17 de Fevereiro 2016, 14:31:50
por AndreMP
48 Respostas
8613 Visualizações
Última mensagem 15 de Março 2018, 18:09:40
por zulutango
21 Respostas
1926 Visualizações
Última mensagem 17 de Julho 2018, 19:04:51
por brunodias

Total 122+-1=121 ms, db 0 ms, php 121 ms