brunodias

  • Mensagens: 4514
Não há problema nenhum em ser a base dos f16, o problema é que em termos de placa tem pouco espaço, e sem contar que já começa a roçar o ridiculo a quantidade de aeroportos que se quer fazer em Portugal, daqui a pouco vai ser Tancos, depois Aveiro depois Ovar etc

toto1100

  • Mensagens: 3921
Russia EUA são apenas alguns exemplos de países onde já aterrei em bases militares onde operam caças

Nao foi, de todo, isso que eu perguntei.

Tomás Ribeiro

  • Mensagens: 1835
Não há problema nenhum em ser a base dos f16, o problema é que em termos de placa tem pouco espaço, e sem contar que já começa a roçar o ridiculo a quantidade de aeroportos que se quer fazer em Portugal, daqui a pouco vai ser Tancos, depois Aveiro depois Ovar etc
É que não querem fazer um aeroporto para uma cidade. Querem fazer um aeroporto para uma região inteira. E não é bem assim que os aeroportos funcionam. Monte Real ainda é muito longe de muito sítio na zona centro. Grande parte dessa zona já está sobre influência do aeroporto de lisboa e do Porto. Por isso francamente não me parece que isto tenha de todo pés para andar. Aliás como já expliquei à uns meses neste tópico.

Byte Boador

  • Mensagens: 289
Quantos paises é que permitem trafego civil na sua principal base militar e ultimo responsável pela soberania nacional?


Imensos. Até a vizinha Espanha, antes da crise de 2008 usava a base de torrejon para a operação de jactos privados.

A grande diferença entre nós e muitos outros países, é que nós pomos os ovos todos na mesma cesta e daí chamamos a base de monte real como a principal base. Outros espalham os meios pelo país. O exemplo que dei da Rússia e dos EUA é apenas para demonstrar que até as 2 maiores potências militares partilham as suas bases com o tráfego civil.

Se me perguntarem se concordo com a criação de mais um elefante branco, então a resposta é um redondo Não!
“Success is not final, failure is not fatal.
It is the courage to continue that counts“

Winston Churchill

JSilvazito

  • Mensagens: 330
Para mim Portugal tem 2 bases aéreas militares: Lajes e Beja. Essas sim, são as principais bases por todos e mais alguns motivos.
Monte Real é a base da tradição e a que foi ficando.
Houve alturas em que era bem menos importante ( pelo efectivo aéreo presente ) que outras bases que hoje pouco mais são que memórias: Ota, Sintra, Tancos. Como as outras foram perdendo importância por razões diversas, Monte Real foi ficando.
Para mim, os principais vectores da defesa aérea nacional deviam ser repartidos entre Beja ( a base do continente ) e a Terceira ( a base do atlântico ). Tudo o resto tem pouco interesse a não ser que artificialmente se pretenda que sejam interessantes.
Pergunto:
Qual é o interesse do Montijo? basear 5 helis da marinha que não cabem no alfeite em em vale de zebro?
Qual é o interesse de Sintra? a academia da FAP?
Qual é o interesse de Figo Maduro? Não há placa no aeroporto civil para parquear 2 falcons?
Qual é o interesse de Maceda? estacionar um heli para apoio a pescadores náufragos?
Tancos? é um nado-morto ou um vivo que teima em não morrer?
E já agora se juntarmos o que há por aí do SNPC. Sim porque também há muito dos nossos impostos lá enterrado. Ou será que Ponte de Sor saíu de borla para o orçamento apesar de estar a meia dúzia de milhas de Tancos?
Porto Santo ainda faz sentido como destacamento de soberania. Mas esta é irrelevante para esta questão.
Cumprimentos,


Em tempo: Esta questão dos aeroportos regionais num Portugal tão pequenino como bandeira de candidatos a autarcas faz-me sempre lembrar a muitíssimo boa novela brasileira " O bem amado " ( no tempo em que as novelas valiam a pena ).
O eleito prefeito Odorico Paraguaçu tinha como bandeira o cemitério e o povo foi na conversa elegendo-o. Azar do diabo: ninguém morria e o homem não conseguia inaugurar a sua obra. O que ele fazia para ver se alguém ia desta para melhor...

https://pt.wikipedia.org/wiki/O_Bem-Amado_(telenovela)
« Última modificação: 02 de Fevereiro 2019, 16:47:09 por JSilvazito »


brunodias

  • Mensagens: 4514
O Montijo é só a 2 base com mais meios, e vai muito alem dos 3 ou 4 helis da marinha
As pessoas continuam a não contar com 1 falcon, não sei bem porque, são 3 e não dois

Secalhar Monte Real tem os f16 por ser algo 1 bocado mais central

Eu sou da opinião que alguns eh101 deviam estar mais a norte, em Ovar

JSilvazito

  • Mensagens: 330
O Montijo é só a 2 base com mais meios, e vai muito alem dos 3 ou 4 helis da marinha

É a que tem muitos meios adstritos porque é a mais perto de Lisboa. E a malta não quer ir para o cu de judas, mesmo militares a malta não gosta, não quer.
Mas algum dos meios que o Montijo tem não poderia ficar baseado em Beja? não cabia lá? ou será que as pistas de Beja não escoariam tantos movimentos por hora se estivessem lá?
Contam-se pelos dedos os dias em que a frota falcon esteve 100% operacional. É normal e nem é necessário.
Cumprimentos,
« Última modificação: 02 de Fevereiro 2019, 17:03:25 por JSilvazito »


caparica

  • Mensagens: 630
Desde quando é que aqui em Portugal nao funcionam operações militares e civis sem problemas?
Quantos paises é que permitem trafego civil na sua principal base militar e ultimo responsável pela soberania nacional?

Se há interesse em abrir a base à aviação civil, eu não sei, mas dizer-se que as forças armadas são essenciais ao país... consigo ver coisas bem mais essenciais. Nem sei muito bem porque é que Portugal tem f16? É para ir patrulhar os céus da Lituânia? Desculpem a ignorância, mas para intercetar aviões comerciais, não bastavam uns do tipo Super Tucano?

Ir à Lituania faz parte dos compromissos de Portugal na NATO. Também passam a vida cá meios de outros países.
Nao me parece que as forças armadas de um pais sejam estabelecidas em função de eventuais problemas com transportes comerciais.

Eu sei que faz parte dos compromissos da NATO, mas se não fosse com F16, de certo que seria de outra forma qualquer...

caparica

  • Mensagens: 630
Sobre a Islândia

Apesar de não ter uma força armada desde 1869, é um membro da NATO. Anteriormente havia um acordo de defesa com os Estados Unidos, que deteve uma base militar entre 1951 e 2006; contudo, o acordo foi alterado, tendo os Estados Unidos se comprometido em assegurar a defesa armada (através da Força de Defesa da Islândia) sem ter uma força militar permanentemente estacionada no país. Apesar de não ter um exército, a Islândia possui uma força militar expedicionária voluntária, um sistema de defesa aérea, uma guarda costeira militarizada e uma força especial dentro da polícia. Além disto, a Islândia detém vários acordos de segurança e defesa com a Noruega, a Dinamarca, e outros países NATO.

https://pt.wikipedia.org/wiki/Lista_de_pa%C3%ADses_que_n%C3%A3o_possuem_for%C3%A7as_armadas

Acho que deveríamos ser um pouquinho como a Islândia
« Última modificação: 02 de Fevereiro 2019, 17:13:06 por caparica »


brunodias

  • Mensagens: 4514
O Montijo é só a 2 base com mais meios, e vai muito alem dos 3 ou 4 helis da marinha

É a que tem muitos meios adstritos porque é a mais perto de Lisboa. E a malta não quer ir para o cu de judas, mesmo militares a malta não gosta, não quer.
Mas algum dos meios que o Montijo tem não poderia ficar baseado em Beja? não cabia lá? ou será que as pistas de Beja não escoariam tantos movimentos por hora se estivessem lá?
Contam-se pelos dedos os dias em que a frota falcon esteve 100% operacional. É normal e nem é necessário.
Cumprimentos,

Mas ainda não entendi esse fascinio por Beja

Quanto aos falcons eles estão os 3 em uso, agora tal como as outras esquadras nem todos estão sempre prontos para missões, só para exemplo custuma só estar 1 ou 2 c130 operacionais, e depois de x horas ou tempo mudam os operacionais

Tomás Ribeiro

  • Mensagens: 1835
Sobre a Islândia

Apesar de não ter uma força armada desde 1869, é um membro da NATO. Anteriormente havia um acordo de defesa com os Estados Unidos, que deteve uma base militar entre 1951 e 2006; contudo, o acordo foi alterado, tendo os Estados Unidos se comprometido em assegurar a defesa armada (através da Força de Defesa da Islândia) sem ter uma força militar permanentemente estacionada no país. Apesar de não ter um exército, a Islândia possui uma força militar expedicionária voluntária, um sistema de defesa aérea, uma guarda costeira militarizada e uma força especial dentro da polícia. Além disto, a Islândia detém vários acordos de segurança e defesa com a Noruega, a Dinamarca, e outros países NATO.

https://pt.wikipedia.org/wiki/Lista_de_pa%C3%ADses_que_n%C3%A3o_possuem_for%C3%A7as_armadas

Acho que deveríamos ser um pouquinho como a Islândia
A ideia de estar sempre dependente de terceiros não me agrada particularmente... Não é que sejamos muito independentes hoje em dia... Mas daí a isto ainda vai muita coisa

brunodias

  • Mensagens: 4514
Tudo isto de falar das forças armadas é bonito
Na altura nem comentei mas dizer que Ovar só serve para la meter um heli por causa dos pescadores e naufragos, é tirar importância, mas se 1 dia o heli não estiver por la, e algum familiar ou amigo precisar ser salvo, ai as força aerea já é má porque tem tudo tão longe

Agora depender dos outros?? só mesmo em sonhos, isso era dar todos os recursos naturais que temos devido ao imenso oceano aos outros

nunopinheiro

  • Mensagens: 4331
Caparica não é assim tão simples. Convenhamos os F 16 até são bem fraquinhos. Estamos a falar de caças de em breve duas gerações atrás.
Portugal anda a tentar expandir a sua placa continental, imagino que quem não goste da ideia contraponha que nem capacidade temos de intervir efectivamente nessa área.

E isto é só a parte simples de explicar da coisa. Estamos em paz a uma carregada de anos e mesmo assim os países continuam a gastar 2% do PIB em defesa.

caparica

  • Mensagens: 630
A ideia era precisamente investir mais nessa área, da investigação oceanográfica, e poupar nas vaidades à la TOP GUN.

toto1100

  • Mensagens: 3921
O espaço aéreo da responsabilidade de Portugal é bastante maior que a ZEE, mesmo que venha a ser estendida.

Resposta rápida

Com a resposta rápida pode escrever uma mensagem quando está a ver um tópico sem carregar uma nova página. Pode, ainda, usar o código BBC e os risonhos como usaria numa mensagem normal.

Aviso: este tópico não tem nenhuma mensagem nova há, pelo menos, 90 dias.
A não ser que tenha a certeza que quer responder, por favor, considere a hipótese de criar um novo tópico.

Nota: esta mensagem não irá aparecer até ter sido aprovada por um moderador.
Nome: Email:
Verificação:

 

Tópicos Relacionados

  Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
6 Respostas
3104 Visualizações
Última mensagem 28 de Setembro 2014, 23:16:15
por Rafael Vieira
4 Respostas
1066 Visualizações
Última mensagem 31 de Março 2015, 22:59:57
por brunodias
0 Respostas
594 Visualizações
Última mensagem 17 de Fevereiro 2016, 14:31:50
por AndreMP
48 Respostas
9165 Visualizações
Última mensagem 15 de Março 2018, 18:09:40
por zulutango
21 Respostas
2345 Visualizações
Última mensagem 17 de Julho 2018, 19:04:51
por brunodias

Total 130+-1=129 ms, db 0 ms, php 129 ms