mukanico

  • Mensagens: 8
Sabia que aeroespacial no IST só é um curso desde há uns 15 anos para cá?

Em prol do rigor, diga-se que os cursos da UBI e IST existem desde 1991 e 1992, respectivamente (ambos há mais de 25 anos). Ou seja, os primeiros licenciados saíram em 1996 e 1997, em ambos os casos há mais de 20 anos.

Obrigado pela correcção Faro. Estava a falar de cabeça, mas mesmo assim não errei por muito!

vanfreak

  • Mensagens: 11
    • Évora a capital do Alentejo
De momento existem pessoas que fazem o trajecto Évora-Lisboa e vice-versa diariamente. Uns residem em Lisboa e trabalham em Évora, e outros residem em Évora e trabalham em Lisboa. Cheguei a saber de casos de alguns estudantes da Universidade de Évora que também o faziam. Quando as formações do ramo aeronáutico para a Embraer começaram em Setúbal, muitos faziam o trajecto diariamente.
Os transportes encurtaram as distâncias, e se saíres de Évora no intercidades que atinge os 200km/h em alguns troços (porque chegaram a andar as "lilis" no verão a fazer o serviço e são mais lentas), chegas mais depressa à Gare do Oriente, do que provavelmente alguém que resida na margem sul de Lisboa e que vá de automóvel até à Gare. Esse tempo ainda é menor se considerarem pessoas que residam em Pinhal Novo e aí são cerca de 50 minutos. E os acessos da estação de Évora até ao Parque Aeronáutico, são directos.
Têm aqui os horários dos comboios que comprovam.
https://www.cp.pt/StaticFiles/horarios/longo-curso/comboios-lisboa-evora-beja.pdf

Portanto a nível de estilo de vida não era necessário nenhuma mudança radical. O "efeito barreira" que é criado pela divisão das regiões por vezes nos faz esquecer que hoje em dia Évora é já ali ao lado.
Agora e disseram muito bem, qual o custo dessa possível transferência em termos de dinheiro?
A pista de Évora é pequena e pouco larga, e duvido mesmo muito que aquilo que ali está algo desse para aproveitar, provavelmente teria de ser feita uma de raiz. (Não tenho conhecimento nessa área, mas suponho)
De momento no aeródromo estão a escola de pára-quedismo, serviços da protecção civil e o helicóptero do INEM. Na próxima reunião de câmara irão estar estes seguintes pontos:
Propostas para deliberação

Concurso Público para Concessão de Licença de Utilização no Aeródromo Municipal. Serviços de Manutenção de Aeronaves.

Concurso Público para Concessão de Licença de Utilização no Aeródromo Municipal. Escola de Formação de Pilotos.

Concurso Público para Concessão de Licença de Utilização no Aeródromo Municipal. Serviços de Hangaragem.

Fico feliz pela intenção da Câmara Municipal de Évora querer novamente fixar um escola de pilotos na cidade.
A Embraer escolheu Évora em detrimento de Beja, porque essa foi sempre uma promessa e ambição do anterior presidente de câmara. Évora desde o virar de século/milénio queria criar um Parque Aeronáutico. Falou-se muito da Skylander que nunca chegou a avançar. E o facto de haver uma Universidade, um centro de formação decidido a apostar na indústria, um aeródromo municipal, acessos rodoviários e ferroviários foram decisivos(segundo a imprensa).
Em Beja a criação do aeroporto era justificada quase sempre pelos projectos imobiliários previstos para as margens de Alqueva e para a Costa Alentejana e pela vertente de mercadorias dos produtos hortícolas frescos também de Alqueva. A crise imobiliária estourou entre o início e conclusão do aeroporto.
Não me recordo bem do ano, mas em 2003 ou 2004, quando se falou na criação de um aeroporto em Évora na imprensa por parte de uma companhia privada, para além da conhecida rivalidade Évora/Beja e o mau estar que criou na região, felizmente o poder local não entrou nesse jogo e optou pela industria, que hoje emprega cerca de 600 pessoas de forma directa, e ainda o ano passado a Embraer foi ampliada e existe projecto de ampliação da Mecachrome.
Em relação à deslocalização de serviços para fora de Lisboa, se for essa a intenção da empresa apenas cabe a ela decidir, mas tenho sinceras duvidas. Mas em caso de o fazer acredito que Évora seria uma boa candidata a acolher esse projecto, mas com as respectivas interrogações em relação à pista do aeródromo e qual o custo para a adaptar, que sinceramente não percebo nada de valores/características necessárias.

Resposta rápida

Com a resposta rápida pode escrever uma mensagem quando está a ver um tópico sem carregar uma nova página. Pode, ainda, usar o código BBC e os risonhos como usaria numa mensagem normal.

Aviso: este tópico não tem nenhuma mensagem nova há, pelo menos, 90 dias.
A não ser que tenha a certeza que quer responder, por favor, considere a hipótese de criar um novo tópico.

Nota: esta mensagem não irá aparecer até ter sido aprovada por um moderador.
Nome: Email:
Verificação:

 

Tópicos Relacionados

  Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
0 Respostas
918 Visualizações
Última mensagem 14 de Julho 2015, 15:52:14
por berloka
0 Respostas
747 Visualizações
Última mensagem 14 de Julho 2015, 16:12:52
por berloka
2 Respostas
1356 Visualizações
Última mensagem 24 de Janeiro 2016, 01:11:54
por Maintrol
19 Respostas
5047 Visualizações
Última mensagem 25 de Junho 2019, 13:50:10
por New Engine Option
8 Respostas
1761 Visualizações
Última mensagem 26 de Fevereiro 2018, 19:23:47
por Tomás Ribeiro

Total 69+0=69 ms, db 0 ms, php 69 ms