toto1100

  • Mensagens: 4013
O problema da aviacao é o volume que cresce varias vezes mais anualmente do que a eficiencia.

aviationlover

  • Mensagens: 1205
Já decorreram testes de combustivel de avião com biocombustivel, há uns anos atrás em que um 747 da Virgin fez Londres-Schipoll com biocombustível e segundo disseram correu bem, claro que foi uma experiencia mas que pode ter futuro.

Hawks

  • Mensagens: 760
O problema da aviacao é o volume que cresce varias vezes mais anualmente do que a eficiencia.

E se esse aumento de volume è a custa de outros modos de transporte.

Por acaso tinha interesse em ver uma análise comportamental e de pegada carbónica de casos específicos como Lisboa-Porto. O número de ligações aéreas entre as duas cidades aumentou brutalmente nos últimos anos. Não sei em relação à ferrovia, mas pelo menos no universo que conheço há muita gente que simplesmente deixou de usar o comboio e usa sempre o avião, com as ligações aéreas houve uma certa canibalização dos outros modos de transporte. Verifiquei no INE e na APA mas é praticamente impossível relacionar os parâmetros e tirar conclusões.

nunopinheiro

  • Mensagens: 4460
aviatonlover muita informação aqui
https://en.wikipedia.org/wiki/Aviation_biofuel

com a listagem de vários voos

resumo tem concorrência pelo seu uso de outros sectores dispostos a pagar mais por estes.


Hawks os comboios também tem boas taxas de ocupação, acho que simplesmente as duas cidades estão cada vez mais interdependentes
« Última modificação: 08 de Maio 2019, 11:26:38 por nunopinheiro »


Tomás Ribeiro

  • Mensagens: 1895
A BBC News acabou de publicar um vídeo com "dicas para reduzir a pegada de carbono quando voamos".
Incluindo: levar apenas a roupa estritamente necessária para reduzir o peso da mala e viajar em económica porque "cabem mais pessoas em económica". Sugestões fantásticas e com um impacto enorme...

toto1100

  • Mensagens: 4013
O da roupa é naquela, mas é todo ganho. Uma azeitona tambem nao faz diferenca por si so, mas aqui ha uns anos a American reduziu o numero de azeitonas na salada (de 5 para 4 ou coisa assim) exatamente por causa do combustivel que poupariam ao fim de um ano (nao era pelas azeitonas, era mesmo pelo combustivel).
Agora o da turistica faz todo o sentido. Um pax em executiva sao pelo menos 1.5 pax em turistica (se for voo intra-europeu) ou para ai 4-6 em voos de longo curso (dependendo do tamanho da cadeira) - a isto é preciso subtrair a diferenca por causa do peso do pax que nao esta a viajar, mas nao compliquemos. É uma diferenca ao nivel do impacto brutalissima - claro que isto assume que o aviao iria cheio, mas essa parte o pax nao pode controlar; ir em turistica pode. (Melhor, melhor, obviamente era nao fazer a viagem.)
Nada do que nos fazemos individualmente tera impacto significativo. Mas se for por ai entao ninguem fazia nada. O objetivo sera que cada pequena coisa no agregado faca diferenca.

Tomás Ribeiro

  • Mensagens: 1895
Sim Toto mas se eu não for em executiva, o banco continua lá a ocupar espaço e a gastar combustível à mesma.

toto1100

  • Mensagens: 4013
Entao por ai nao se faz mesmo nada, nao é? Nao é por não trazeres o saco de plastico que o supermercado disponibilizou que ele deixou de estar à tua frente também.
Vista um bocado curta essa.

nunopinheiro

  • Mensagens: 4460
Tomas nisto de e economia a coisa é mais simples, se ninguém for em executiva as empresas em menos de nada trasformam a executiva em super classe apertadinha como economia.

Agora se isto vai acontecer??? Depende pode acontecer em alguma percentagem. Vai sempre haver alguém que não se importara de pagar mais para fazer o sequestro carbónico extra da executiva...
« Última modificação: 09 de Maio 2019, 18:43:38 por nunopinheiro »


Tomás Ribeiro

  • Mensagens: 1895
Tomas nisto de e economia a coisa é mais simples, se ninguém for em executiva as empresas em menos de nada trasformam a executiva em super classe apertadinha como economia.
Já tinha pensado nessa possibilidade Nuno até porque é a única maneira de aquele argumento fazer a diferença. Mas acho que isto ultrapassa um pouco o contributo individual. Isto é mais uma espécie de revolta contra a business class. Era como se agora as pessoas deixassem de comprar carros a gasolina ou gasóleo. Ajudava? Sim. Vai acontecer? Não

toto1100

  • Mensagens: 4013
Nao vai acontecer? A venda de carros  gasoleo na Europa caiu qb o ano passado.
Por esse teu argumento nao serve de nada fazer nada (seja para bem ou para o mal). Obviamente que o comportamento de um individuo por si so nunca fara nada. Não é por não comprares um bife no supermercado que essa vaca não vai ser morta. Não é por plantares uma árvore que vais absorver CO2 em muita quantidade.
« Última modificação: 09 de Maio 2019, 19:47:16 por toto1100 »


Tomás Ribeiro

  • Mensagens: 1895
Nao vai acontecer? A venda de carros  gasoleo na Europa caiu qb o ano passado.
Por esse teu argumento nao serve de nada fazer nada (seja para bem ou para o mal). Obviamente que o comportamento de um individuo por si so nunca fara nada. Não é por não comprares um bife no supermercado que essa vaca não vai ser morta. Não é por plantares uma árvore que vais absorver CO2 em muita quantidade.
Toto eu estava a referir me a uma hipotética situação em que o publico em geral por preocupação ambiental deixava de comprar carros a combustão. Não me parece que vá acontecer. Aquilo que aconteceu com o diesel foram os efeitos do diesel gate em que as pessoas começaram a ficar desconfiadas dos motores a diesel, muitas vezes sem motivo para isso. E não foi propriamente motivado por questões ambientais. Já para não falar de que dizer não ao diesel se tornou quase um movimento. Não existe nada do género para acabar com a business class na aviação. Nem as pessoas estão muito interessadas nisso.
Btw algumas marcas tiveram de se virar outra vez para o diesel nos últimos meses porque é a única maneira de baixarem as médias das emissões rapidamente. A vida dá muitas voltas.

toto1100

  • Mensagens: 4013
O dieselgate foi em 2015 nao em 2018.

nunopinheiro

  • Mensagens: 4460
Seja como for Tomás, há muitas formas do consumidor empurrar as marcas para um ou outro comportamento.

Nos carros tem sido eminentemente via legislação, legislação essa que tem o respaldo de boa parte da população querer carros menos poluentes e menos emissões (mesmo que isso tenha um custo meio invisível no seu bolso)

Outro exemplo, embalagens no supermercado, cada vez mais se vê pessoas a pedir produtos ao balcão em saco reciclado ou papel vs as embalagens plasticas.

Estas coisas de influencia do consumidor no mercado é interessante, se houver uma parcela da população que opte por uma opção que ate pode ser mais cara, a tendencial será que o preço venha a descer com economias de escala, que por sua vez é um fator positivo na procura, que por sua vez, repetir.....   do outro lado temos um processo inverso.

toto1100

  • Mensagens: 4013
Climate change: Aviation fuel tax would cut CO2 & not hit jobs, leaked EU Commission report finds

Excerto:

Citação
Imposing taxes on aviation fuel would reduce the sector's carbon emissions by 11% and have a "negligible" impact on employment and the economy, a leaked study from the European Commission has found, piling pressure on the bloc to stop exempting aviation from fuel taxes.

According to the report, applying a tax of €330 per 1,000 litres of kerosene — the EU's minimum excise duty rate for the fuel — would result in a ticket price increase of 10% and an 11% decrease in passenger numbers.

Resto aqui: https://www.euronews.com/2019/05/13/climate-change-aviation-fuel-tax-would-cut-co2-not-hit-jobs-leaked-eu-commission-report-fi

Tambem aprendi que a interpretacao da UE é que a Convencao de Chicago permite que se cobre impostos sobre o combustivel em todos os casos (documento sobre isso: https://www.transportenvironment.org/sites/te/files/publications/2010_01_Briefing_domestic_fuel_taxation_briefing.pdf). A interpretacao da ICAO, IATA e EUA é que so nos voos domesticos é que sao permitidos impostos sobre o combustivel (obviamente que a IATA dira que nao é permitido).

Resposta rápida

Com a resposta rápida pode escrever uma mensagem quando está a ver um tópico sem carregar uma nova página. Pode, ainda, usar o código BBC e os risonhos como usaria numa mensagem normal.

Aviso: este tópico não tem nenhuma mensagem nova há, pelo menos, 90 dias.
A não ser que tenha a certeza que quer responder, por favor, considere a hipótese de criar um novo tópico.

Nota: esta mensagem não irá aparecer até ter sido aprovada por um moderador.
Nome: Email:
Verificação:

 

Tópicos Relacionados

  Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
35 Respostas
11485 Visualizações
Última mensagem 19 de Julho 2014, 10:18:18
por babribeiro
6 Respostas
1948 Visualizações
Última mensagem 14 de Setembro 2014, 11:27:47
por ClearedForTakeOff
0 Respostas
1385 Visualizações
Última mensagem 10 de Fevereiro 2014, 16:34:37
por ClearedForTakeOff
81 Respostas
17672 Visualizações
Última mensagem 07 de Outubro 2019, 00:10:04
por MiguelRei
437 Respostas
65591 Visualizações
Última mensagem 05 de Setembro 2019, 19:55:58
por Tomás Ribeiro

Total 156+0=156 ms, db 0 ms, php 156 ms