New Engine Option

  • Mensagens: 3926
Neo pense lá um bocado. Se a TAP tivesse um empréstimo agora deveria precisar de algo como 600 milhões mínimo... Atirando a dívida a apagar juros para os 1.5 mil milhões. A TAP não consegue gerir essa dívida só em juros andaria por volta dos 60 milhões todos os anos... Era o fim da companhia.

Os privados andam com essa conversa para comprarem tempo. Porque não conseguem meter dinheiro na companhia do seu bolso via aumento de capital...

Nuno eu percebo tudo isso, mas eu não falei disso.

Snip

  • Mensagens: 454
Ninguem diz que a companhia não cresceu, a renovação da frota foi algo ESSENCIAL, mas não me digam que isso foi porque a empresa era privada!

Factos que aconteceram nestes ultimos anos:

- Renovação da PGA
- Renovaçao da frota da TAP
- Diversificação dos mercados
- Boom na aviação comercial
- Boom turistico em Portugal
- Aquisição de mais aviões em Leasing
- Renegociação da dívida
- Prejuizos na TAP

Quem quiser analizar que analise o que é bom e mau, eu acho que há mais pontos bons que maus no entanto o PESO dos pontos maus abafa por completo o dos pontos bons

New Engine Option

  • Mensagens: 3926
Ninguem diz que a companhia não cresceu, a renovação da frota foi algo ESSENCIAL, mas não me digam que isso foi porque a empresa era privada!

Factos que aconteceram nestes ultimos anos:

- Renovação da PGA
- Renovaçao da frota da TAP
- Diversificação dos mercados
- Boom na aviação comercial
- Boom turistico em Portugal
- Aquisição de mais aviões em Leasing
- Renegociação da dívida
- Prejuizos na TAP

Quem quiser analizar que analise o que é bom e mau, eu acho que há mais pontos bons que maus no entanto o PESO dos pontos maus abafa por completo o dos pontos bons

Falta aí o reforço de caixa e o abatimento creio eu de 200 milhões de dívida.

brunodias

  • Mensagens: 5465
Também dura há pouco tempo, comparativamente com a pública lol

Desconheço outro período de 5 anos da companhia que tenha levado um volte face tão grande como aquele pelo qual a TAP passou nos últimos 5.

Esses anos acompanhados de 1 grande boom na aviação convem referir

Verdade. Mas a TAP foi das companhias que mais cresceu no período em causa.

Aproveitou o boom, pelo menos a nivel de aumento de rotas e frota, mas nunca foi lucrativa

New Engine Option

  • Mensagens: 3926
Também dura há pouco tempo, comparativamente com a pública lol

Desconheço outro período de 5 anos da companhia que tenha levado um volte face tão grande como aquele pelo qual a TAP passou nos últimos 5.

Esses anos acompanhados de 1 grande boom na aviação convem referir

Verdade. Mas a TAP foi das companhias que mais cresceu no período em causa.

Aproveitou o boom, pelo menos a nivel de aumento de rotas e frota, mas nunca foi lucrativa

Nem eu disse isso.

nunopinheiro

  • Mensagens: 6600
Crescer a perder dinheiro é fácil...
Comprar aviões a leasing é fácil...


O problema é...

Neo deixe ver se percebo a sua posição neste momento.. então já esqueceu a coisa de emitir mais dívida...

Agora o que defende é que o estado deite mais dinheiro dado para dentro da TAP mas que a situação actual e repartição de capital se mantenha???
« Última modificação: 01 de Maio 2020, 12:26:46 por nunopinheiro »


New Engine Option

  • Mensagens: 3926
Crescer a perder dinheiro é fácil...
Comprar aviões a leasing é fácil...


O problema é...

Neo deixe ver se percebo a sua posição neste momento.. então já esqueceu a coisa de emitir mais dívida...

Agora o que defende é que o estado deite mais dinheiro dado para dentro da TAP mas que a situação actual e repartição de capital se mantenha???

Não, não defendo isso. É só ler para trás o que defendo.

CarlosM

  • Mensagens: 118
Quem sofre no meio disto tudo são os trabalhadores... Quantos contratos já não foram renovados? Quantos não vão ser?

Eu não sou a favor da nacionalização da companhia a 100%, mas uma coisa é certa, se o estado mete dinheiro tem de ganhar algo! Ponto assente para mim.
O mais lógico seria fazer um aumento de capital em que cada um entrava com o que tinha de entrar (45% privados, 50% estado, 5% trabalhadores) Quem não conseguia entrar com o cash necessário via a sua % diluída.

Agora virem dizer que com o aval do estado podem pedir empréstimo... E por aval entenda-se ser fiador.
Não digo que a parte da solução não possa ser injecção de capital+garantia do estado para empréstimo. Mas uma coisa é certa arrastar isto no tempo tem cada vez mais consequências.

Aquela ideia de ah então é melhor fechar e abrir de novo. Metam na cabeça que isso não faz sentido. Neste momento se isso acontecesse o estado teria de pagar as dividas todas na mesma e ficava sem nada. E depois virem dizer, ah mas no dia a seguir abre outra empresa para ocupar o vazio, não não é assim que funciona, se a TAP fechasse viriam as Iberias, klm e AirFrance fazer só voos de ligação para os seus HUB.
Eu não sou licenciado em economia, mas do pouco que percebo as implicações que essa extinção tem a nivel de economia circular e postos de trabalho que dependem diretamente e indiretamente da TAP seria de uma grandeza... Eu gostava de ter os números, mas acredito que mesmo quem os tem quando os começa a usar percebe que o estrondo é demasiado grande. Estamos a falar de dezenas de milhar de postos de trabalho e centenas de milhões em exportações e serviços.
« Última modificação: 01 de Maio 2020, 12:54:00 por CarlosM »


Adob

  • Mensagens: 358

Agora o que defende é que o estado deite mais dinheiro dado para dentro da TAP mas que a situação actual e repartição de capital se mantenha???

Nuno, o DN/Atlantic Gateway/whatever entrou no capital da TAP, ganhando uma posição maioritária, aquando da privatização por quanto mesmo?

Por quase nada. E porquê? Porque a TAP estava em falência técnica, ie, não valia nada pois já em 2013 o passivo superava o activo.

Esta foi a razão porque no processo de privatização ninguém mais quis a TAP. O pessoal esquece-se deste facto. (vamos ignorar o tipo da Avianca que estava tão a brincar/atirar o barro à parede que nem garantias bancárias tinha porque isso custava dinheiro e ele também não o tinha).

E quando a privatização é concluída a grande mais valia para o Estado é que se livrou da responsabilidade de cerca de metade da dívida. Este foi o único ganho para o Estado e nunca isto foi percebido por meio mundo dos comentadores, políticos, jornalistas ou pelos próprios funcionários da TAP.

Acontece que, com o governo da Geringonça e, por pura ideologia, o Estado retomou o controlo maioritário num negócio bem obscuro onde nunca se chegou a perceber bem os termos desse retomar de controlo maioritário pelo Estado nem o que aconteceu com a responsabilidade da dívida ou até se o DN/Atlantic Gateway manteve direitos de proveitos superiores à sua posição accionista.

Chegados a hoje, numa situação onde a TAP precisa desesperadamente de capital (porque já estava muito alavancada em dívida mesmo antes da privatização) e não se consegue resolver a situação apenas com empréstimos em que a responsabilidade última é do Estado (que foi como a TAP viveu desde a última restruturação até à privatização), entra-se numa situação muito complicada onde se o privado não acompanhar o aumento de capital...

...o Estado sobe a sua posição maioritária ao ponto de que acaba quase totalmente responsável pela dívida toda.

Isto é um atentado para os contribuintes.

Pela minha parte, se o Estado tiver que injectar capital, se o privado não acompanhar, a sua posição tem que ser diluída (bem como a dos trabalhadores, btw). Isto é óbvio.

Agora como contribuinte, se o Estado vai-me aumentar os impostos para directamente salvar a TAP, o mínimo exigível é uma profunda restruturação da empresa que só poderá acontecer num processo Swissair-->Swiss, veja-se, BES bom / BES mau. Um reset.

Que este filme do capitalismo tuga onde o Estado anda a salvar estas empresas, permanecendo tudo na mesma para quem lá trabalha, é uma vergonha. Nomeadamente porque já sabemos que tudo fica mesmo na mesma e o problema aparece novamente para pagar mais tarde. Que é o que está a acontecer.
« Última modificação: 01 de Maio 2020, 12:57:29 por Adob »


nunopinheiro

  • Mensagens: 6600
Neo Já defendeu muita coisa. Sucintamente pode explicar o que defende neste momento?


Adob como sabe concordo em absoluto, e sou um tipo que me considero de esquerda... Mas isto nao é de todo uma empresa pública. Não presta serviço público e nem pode, logo que seja privada mesmo...
Infelizmente este país é de esquerda para umas coisas mas de direita para outras... Para o estado pagar somos de esquerda, para tirar lucros ou decidir somos muito liberais...ver o que alguns aqui defendem...

No caso TAP roça o ridiculo, já deixamos tantas empresas que até tiveram o estado lá dentro ir a falência...mas a TAP...
« Última modificação: 01 de Maio 2020, 13:02:38 por nunopinheiro »


New Engine Option

  • Mensagens: 3926
Nuno leia o que respondi ao jpmane.

nunopinheiro

  • Mensagens: 6600
Neo o que respondeu ao colega não explica como fica a repartição de capital..
Apenas diz que o estado pode meter dois indivíduos sem poder lá.. mais o dinheiro é claro..

Honestamente não me interessa nada isso, quero é saber como fica a estrutura de capital...

Se o estado lá meter dinheiro sem aumento de capital como é que vai fazer isso??? Isso é literalmente dar dinheiro a TAP...
« Última modificação: 01 de Maio 2020, 13:09:21 por nunopinheiro »


New Engine Option

  • Mensagens: 3926
Neo o que respondeu ao colega não explica como fica a repartição de capital..
Apenas diz que o estado pode meter dois indivíduos sem poder lá.. mais o dinheiro é claro..

Honestamente não me interessa nada isso, quero é saber como fica a estrutura de capital...

Pois, mas a mim interessa-me mais a estratégia da companhia, não desvalorizando claro está o tema do capital.

nunopinheiro

  • Mensagens: 6600
Pois mas o estado não pode de forma alguma simplesmente dar dinheiro a TAP, a TAP pode aumentar o capital e o estado compra capital da TAP... inevitavelmente caso o privado não acompanhe então a posição dos privado e dos funcionários vai ser substancialmente reduzida... Acha bem que um acionista de 10 ou menos % da empresa mande nela? Nem isso faria sentido já que ele tem pouco interesse numa posição tão minoritária...

Está agora aperceber o problema??? Empréstimo não dá porque a TAP não consegue pagar...
Resta injeção de capital via aumento deste... E se os privados não conseguem acompanhar.... Não há milagres a sua posição vai ser drasticamente reduzida...
« Última modificação: 01 de Maio 2020, 13:15:01 por nunopinheiro »


jferreira20

  • Mensagens: 557
Eu acho que a situação é muito simples:

- A TAP é uma empresa que vive sempre em dificuldades há décadas. Foi pessimamente gerida enquanto foi 100% pública. Foi melhor gerida com gestão privada, mas ainda não é suficiente;
- O cumprimento de serviço público por parte da TAP é hoje duvidoso. Fora ligações aos Açores, não faz muito mais que qualquer outra companhia privada;
- O Estado detém ainda a maioria do capital apesar de pouco ou nada mandar, fora um ou outro boy que lá tem;
- O Estado não pode obrigar a TAP a prestar mais serviço público aumentando a rede de destinos do Porto, Faro, Açores ou Madeira, porque isso não é rentável e o Estado, devido a regras europeias não pode andar a sustentar a companhia.

Resumindo, o Estado tem uma participação enorme na TAP por questões de ideologia política e para agradar à geringonça. O Estado só perde com a TAP, e perdendo o Estado, perdemos todos. Que o Estado deixe a TAP ir à sua vida, então. Se tiver viabilidade, tem. Se não tiver, as rotas rentáveis e interessantes serão cobertas por outras companhias. As rotas desinteressantes, desaparecerão. Duvido que o país perca muito se as rotas para Abidjan ou Banjul desaparecerem.

Resposta rápida

Com a resposta rápida pode escrever uma mensagem quando está a ver um tópico sem carregar uma nova página. Pode, ainda, usar o código BBC e os risonhos como usaria numa mensagem normal.

Aviso: este tópico não tem nenhuma mensagem nova há, pelo menos, 90 dias.
A não ser que tenha a certeza que quer responder, por favor, considere a hipótese de criar um novo tópico.

Nota: esta mensagem não irá aparecer até ter sido aprovada por um moderador.
Nome: Email:
Verificação:

 
Total 92+0=92 ms, db 0 ms, php 92 ms